expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Live Webcam SPOTAZORES

Live Webcam SPOTAZORES
Santa Cruz da Graciosa

sexta-feira, fevereiro 05, 2010

"Fazer render o Peixe"

O Porto de Pescas da Graciosa, cuja construção se iniciou em 2004, já foi inaugurado por diversas vezes entre 2008 e 2009.
Esta obra veio colmatar uma lacuna no exercício da actividade dos pescadores e alguns armadores fizeram avultados investimentos.
Com isso aumentou-se o volume de pescado que, quando escoado da ilha com prontidão, gera melhores rendimentos e criação de riqueza.
Mas esta obra, que faz jus à expressão "fazer render o peixe", ainda não está totalmente concluída.
Casas de apresto, sede da Associação de Pescadores, e agora edifício da lota, mantêm o decorrer das obras já há mais de cinco anos.
É mais do que tempo para umas Portas do Mar em qualquer ilha de maior dimensão!
Não fosse a esperança de ver o seu final à vista, e constatamos uma evidência que contraria a boa execução de uma obra para o fim a que se destina.
Com a invernosa agitação marítima sentida na ilha, o Porto de Pescas ficou despido de embarcações. As poucas que não foram varadas, pela sua dimensão, levaram à aflição dos seus proprietários que aguentaram (literalmente) durante toda a noite o investimento de uma vida, contando com a providência e uma boa dose de sorte para que nada de mais grave acontecesse.
A causa desta inusitada insegurança é, segundo os próprios pescadores, o incumprimento da execução da obra, como estava inicialmente previsto.
O molhe do novo Porto de Pescas deveria estar em alinhamento com o Cais da Negra, "fechando" assim a porta a um mar mais revolto, e garantindo a segurança das embarcações no seu interior.
Mas assim não acontece; o abatimento dos tetrápodes colocados na entrada daquele porto convida à investida do mar, o que diminui consideravelmente a operacionalidade daquela infra-estrutura.
Infelizmente, serve de pouco avisar e alertar atempadamente para melhorias em obras governamentais na Graciosa.
Sucede, frequentemente, que depois de inauguradas, tenham de ser intervencionadas para melhoria de operacionalidade. Chega a ser já algo natural e que mais parece estratégia para ter sempre a Ilha de mão estendida, à espera da boa vontade governamental.
Veja-se o exemplo, ali ao lado, do Porto Comercial. Ainda agora foi feita uma grande obra de realinhamento do cais, e já se irão iniciar obras para poder receber navios que façam operação com rampa "Ro-Ro".
Foi falta de aviso? Infelizmente não!
Fica ainda por cumprir a promessa de correcção das escaleiras do Porto de Pescas, com o seu enchimento que aumentará a zona de acostagem e a segurança das embarcações.
Será certamente coisa de pouca monta que motivará mais uma festa de inauguração.

Publicado no Diário Insular de 02/02/2010

Sem comentários: